Não é moça é rapariga!

Pois é pessoal, depois de quase 3 meses sem postar por aqui, a partir de hoje vou colocar aqui todas as experiências que vivênciei vasculhando pela Europa!Alegre

Para começar, a empresa aérea que optei por viajar foi a TAP – de Portugal – afinal, para quem nunca passou por imigração, é brasileiro e esta indo para Europa, melhor entrar por um País que fale a sua língua, como Portugal, somente para evitar algum problema maior, porque acreditem, imprevistos acontecem.

Então, tudo ocorrendo da melhor forma possível, feito check-in, passei pela imigração, entrei no avião e vamos embora. Vôo acontecendo sem nenhuma turbulência, uma maravilha. Após algumas boas horas de vôo, entre alguns cochilos e umas boas conversas com minha amiga gaúcha, Ana, …. estamos chegando a Lisboa e resolvemos – resolvemos não – somos obrigadas a chamar a aeromoça. Pois, quando entramos no avião recebemos alguns fones de ouvido (para ouvir música mesmo) e quando vamos aterrisar somos obrigados a devolver, Ana se embaralhou ao ter que devolver os seus, então, estava tentando insistentemente chamar a aeromoça para fazer:

– Moça!

– Moça!

– MOÇA!

– MOÇAAAAAAA!

Dizia a Ana. Até que eu incomodada com a situação, resolvo ajudar:

– Ana, deixa que eu chamo ela!

E lá vou eu:

– Moça!

– MOÇA!

– MOÇAAAAAAA!

Impossível, ela e todos no avião estavam ouvindo, mas a aeromoça se recusava a nos atender. Até que minha colega do banco da frente diz:

– Para, para, PARA de chamar ela de MOÇA!

Eu inocente na situação, disse:

– Mas porque???

Eis que a colega responde e nos explica tudo que estava acontecendo:

– MOÇA em Portugal, quer dizer, VAGABUNDA! A aeromoça não ia nunca te atender, você deve chamar ela de RAPARIGA!

Ahhh… mas como eu poderia saber? Rapariga, para nós brasileiros que significa VAGABUNDA, ao menos no estado de São Paulo. Bom, enfim tirei esse episódio como minha primeira experiência na Europa.

Portanto, para quem vai por Portugal ou pretende visitar o País, fica aqui a dica: É rapariga e não moça. Caso, fique envergonhado, feito eu, ao tentar chamar a aeromoça de RAPARIGA, diga somente POR FAVOR, tem o mesmo efeito.Alegre

Mal cheguei e já dei uma rata ou melhor fora, porque como disse minha amiga aqui nos comentários, rata tem também outro significado!Rs…

Mas  sabe que eu ainda topei de novo com a aeromoça e persisti:

– Eu queria só devolver isto (fones de ouvido)!

E ela me diz:

-Agora, deixa estar, deixa estar!

Rs…Fazer o quê? Virou uma experiência e uma história pra contar! :)Fonte: Não é moça é rapariga!

%d blogueiros gostam disto: